Início > Técnica > (27.5) – O tamanho ideal?

(27.5) – O tamanho ideal?


Anúncio da KHS com rodas 27.5 (Foto: site do fabricante)

Com a vitória de Nino Schurter da Scott-Swisspower ontem no World Cup usando rodas de 27.5, as discussões em torno desse padrão estão mais aquecidas que nunca. Essa foi a primeira vez que alguém venceu usando essas rodas.

A roda 27.5 (ou 650B) para Mountain Bike é um tamanho intermediário entre o 26 e 29. Faça as contas, (26 + 29) / 2 = 27.5 . Mas qual o melhor? 26, 27.5 ou 29?

Esse tamanho (27.5) existe em bicicletas há muitos anos e é mais comum na Europa. Na França, por exemplo, é um tamanho usual até em bicicletas de cicloturismo. As evoluções nas competições são muito rápidas e as equipes experimentam tudo que possa lhes dar décimos de vantagem. Desse modo, algumas equipes vêm fazendo testes.

Alguns fabricantes já têm modelos com essas rodas, um exemplo é a KHS com toda uma linha de Mountain Bikes com rodas 27.5: KHS-650B. Segundo a KHS, a 27.5 tem menor resistência à rolagem que a 26 e pesa menos que a 29.

Minha opinião é de que faz sentido as equipes testarem 27.5 porque realmente a 29 é bem grande. Embora a 29 use aro do mesmo tamanho da speed de 700C, o pneu é bem maior e o resultado, principalmente ao vivo, impressiona: é grande!

Só quero ver como vai ficar o mercado, agora que as bikes de 29 estavam começando a dominar. Mas nas competições deve prevalecer o que for mais rápido, e isso com certeza influencia no mercado. Afinal, não dá para continuar vendendo uma coisa enquanto os seus próprios pilotos vencem usando outra.
Aguardemos os próximos capítulos.

Leia também: Em dois anos haverá mais rodas 27.5 (650B) que 26 e 29 no circuito mundial de XC?
Um abraço.

About these ads
CategoriasTécnica
  1. Paulo Stollar
    março 19, 2012 às 10:17 am | #1

    Paulão,

    coisas para pensar sobre rodas:

    => Por qual motivo, praticamente toda a geometria da bike tem que mudar em função do tamanho da roda? Não teria como desenvolver um conjunto de quadro/suspensão que se ajustasse ao tamanho da roda?

    => O que leva a termos as duas rodas da bike do mesmo tamanho? Nas motos Trail/Cross isto não ocorre…Se uma roda grande é boa para superar obstáculos e ruim para subir, então, por que não colocar uma roda 29″ na frente e uma 26″ atrás?

    Hoje em dia com uso massivo de freios à disco, entendo que tamnhos diferentes de rodas numa mesma bike, são seria um problema.

    Na última vez que comprei pneus pra minha bike, o cara da Pedal urbano recomendou modelos diferentes para frente e para trás. Sendo o da frente 2.1 e o de trás 1.9 e com pefil também diferentes…

    Abrs.

  2. março 19, 2012 às 6:02 pm | #2

    Olá Paulão,
    1) Rodas 26 em bikes 29: conseguir colocar, consegue, mas não resulta em uma bike ideal. Para acomodar as rodas de 29, o quadro é bastante modificado e rodas de 26 deixariam por exemplo o movimento central muito baixo, o que faria pegar no solo com frequência. Afinal, ficaria cerca de 3,8 cm mais baixo, é muito.
    2) Duas rodas de tamanhos diferentes: talvez um dia experimentem algo assim…Nas motos, os motivos para usarem rodas de tamanhos diferentes são diversos. Na Biz 125 por exemplo, optaram por uma roda pequena na traseira para criar espaço para o bagageiro debaixo do banco. O ideal é sempre ter roda maior para segurança, colocaram só na frente. Nas motos trail, o problema é a altura. Se colocassem rodas de 21 atrás, ninguém conseguiria subir na moto, talvez você fosse um dos poucos…Nas motos custom, o motivo de colocar rodas pequenas e gordas na traseira é pelo torque enorme dos motores e para ficarem bem baixinhas para colocar os pés no chão. Em geral, em se tratando de motos, as rodas maiores na frente são para vencer obstáculos mas atrapalham na aerodinâmica se forem muito grandes. Quando as motos Trails são transformadas em Motard (para asfalto), as duas principais modificações são uma roda menor na frente e um paralama dianteiro rente ao pneu.
    3) Pneus diferentes na dianteira e na traseira: a roda dianteira é mais direcional enquanto a roda traseira é mais para tração. Era comum nas primeiras MTB colocarem rodas com desenhos diferentes na frente e atrás. Pelas funções delas, faz sentido. Nas motos é sempre assim, pode reparar. Existiram até alguns pneus com dois sentidos de rotação, onde na dianteira se colocava de um lado e na traseira de outro. Mas não sei se foi por simplicidade de fabricação mas atualmente quase todas passaram a vir com pneus iguais. Talvez o ganho seja tão pequeno que não valha a pena a complexidade. Mas se eu competisse por podium, experimentaria pneus diferentes…
    Um abraço.

    • Paulo Forza
      maio 31, 2013 às 6:10 pm | #3

      Olá Paulo ciclista, nos conhecemos no feriado dia 30 na ciclofaixa, seus comentarios são bem técnicos e ajuda bastante a galera do pedal.Valeu um abraço!

      • maio 31, 2013 às 6:27 pm | #4

        Olá Paulo da speed adaptada com guidão reto…é um prazer tê-lo por aqui. Me interesso muito pela região que você anda. Vou lhe mandar um e-mail. Um abraço.

  3. Fabio
    maio 17, 2012 às 2:06 pm | #5

    Olá Paulo neste caso o tamanho da roda tem uma influencia grande na performance , com relação ao tipo e largura/altura de pneu não parece que é mais relevante que o tamanho roda ?
    Abraço

    • paulo forza
      maio 31, 2013 às 5:42 pm | #6

      Olá, fabio a circunferencia das rodas melhora sim o desempenho do ciclista, seja no mtb ou no speed. Aro 27 e 29 alcançam maiores distancias em menos tempo em relação ao aro 26,considerando sempre a condiçáo do atleta, com relação aos pneus e largura é sempre importatante verificar as condições da pista;ex.: hoje vemos muitos ciclistas usando pneus com cravos enormes em trechos somente urbano, é desnecessário, um pneu slick com bom sulcos e grip lateral são muito bom para o nosso asfalto.(falta orientação dos vendedores)Na europa vemos muitas bikes urbanas equipadas com aro 27 e 29 e pneus adequados para asfalto, inclusive pneus slick para chuva eles tem multiplos pingos de borracha com pequenos espacejamento para evitar o aquaplane.Outro ponto muito importante é a calibragem dos pneus,calibrados eles trazem melhor desempenho e segurança pois em contato pequenos objetos cortantes como os cacos de vidro os expulsa mais facilmente.Valeu…

      • maio 31, 2013 às 6:12 pm | #7

        Paulo Forza, nem sempre roda maior significa melhor desempenho. De qualquer modo, não seria por motivos que você citou, pois a circunfêrencia da roda em si pode ser compensada por uma relação de marchas mais longa. Os fatores mais importantes são a aerodinamica e o atrito e do ponto de vista aerodinâmico a roda menor é bem melhor. Tanto que alguns records de velocidade foram tentados com rodas pequenas. Veja por exemplo este vídeo do youtube para uma das bicicletas (???) mais rápidas do mundo: https://www.youtube.com/watch?v=5V2FgwN_re4. Veja que as rodas são bem pequenas. Um abraço.

  4. maio 17, 2012 às 3:05 pm | #8

    Quando se fala em performance das rodas 26, 27.5 e 29, normalmente a referência é o Cross Country profissional. As pistas atuais são extremamente técnicas, com buracos, pedras, raízes de árvores. As descidas são quase barrancos, o pessoal desce com o banco na barriga e as nádegas no pneu traseiro. Nessas pistas, as “rodinhas” de 26 levam desvantagem em muitos trechos e também levam vantagem em outros. Em trecho plano e liso, não sei se haveria vantagem na roda grande, existe muita discussão e medições a respeito. Em asfalto, parece que até certa velocidade é melhor a roda pequena e depois disso a roda grande, mas li isso em um outro contexto, onde o fabricante dos Bike Friday (speed de rodas pequenas) defendia o seu produto. A largura, desenho e sobretudo a pressão dentro do pneu são também variáveis a serem consideradas. Mas creio que a importância relativa realmente dependa da pista…

  5. Willian soares
    outubro 16, 2012 às 11:05 pm | #9

    Rodas de 27.5 serve em 26

    • outubro 17, 2012 às 12:35 pm | #10

      Olá Willian, pelo que pesquisei na Web, tem gente fazendo essa substituição. Veja que embora visualmente a diferença pareça grande, só precisa de um espaço de 2 cm para caber a roda de 27.5 no quadro para 26, segundo meus cálculos. Normalmente as MTB têm de sobra esse espaço. O freio precisa ser a disco. Dizem também que se você quiser ter uma idéia de como é pedalar uma 27.5, o melhor jeito é colocar um pneu de perfil bem alto em uma 26. Chamam atenção também para ver se sua suspensão dianteira não vai pegar, no final do curso, no pneu. Um abraço.

  6. julho 22, 2013 às 11:07 pm | #11

    Olá pessoal, troquei recentemte minhas rodas 26 por 27.5 realmente da uma boa diferença, a primeira visivel foi a velocidade media que aumentou consideravelmente em relaçao a 26.
    O ponto negativo foi que nao a dominei 100% nas trilhas mais tecnicas mas creio que seja costume !
    Abs a todos .

    Alecio

  1. julho 29, 2012 às 2:40 pm | #1

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: