Início > Dicas > Pedalando na chuva

Pedalando na chuva


Mario Cipollini - Tour of California (foto de http://www.bicycle.net)

Basta uma chuvinha durante a noite para muitos ciclistas deixarem a bicicleta na garagem e perderem os melhores dias para pedalar. Mas não precisa ser assim! O homem nasce nu mas adapta-se ao meio ambiente desde o Deserto do Saara até o Polo Norte usando as roupas e os equipamentos.

Depois de tanto tomar chuva e passar frio, resolvi encarar esses problemas de frente. Hoje acredito que se você não sai para pedalar por algum motivo relacionado ao tempo é porque não tem os equipamentos adequados. Logicamente dentro de um parâmetro civilizado, pois ninguém vai sair para pedalar debaixo de uma tempestade brava. Mas confesso que em diversas ocasiões já fui apanhado nessa situação, como no dia em que esqueci de ver a previsão do tempo no Japão e fui apanhado pela chuva torrencial de uma tempestade de vento. Só tinha eu na rua, lá as pessoas têm o hábito de ver a previsão do tempo.

Você pode achar que sou maluco por sugerir andar na chuva. Mas quando se começa a pedalar a sério é inevitável, pois fica-se muito tempo sobre a bicicleta e o tempo muda. As defesas  são a capa de chuva especial para ciclistas (veja a foto) e paralamas.  Encomendei a minha capa na loja exatamente do meu tamanho e esperei duas semanas até chegar, pois gosto de ajuste perfeito. Quanto aos paralamas, a minha bicicleta utilitária já tem mas estou há algum tempo procurando paralamas integrais, pois aqueles curtos de Mountain Bike não oferecem proteção do jeito que eu quero. Quero a melhor proteção possível, pois não dá para ser feliz com a sujeira preta do asfalto na roupa e na bike.

Normalmente quando pedalo sob a chuva não sou o único louco: já vi dezenas de pescadores na chuva usando aquelas capas amarelas, um monte de pessoas (às vezes mulheres lindas) correndo sob chuva torrencial no Parque do Ibirapuera. Mas ciclistas são bem poucos, confesso. . .

Cuidado 1: o chão fica liso e requer atenção. Já vi dois tombos na minha frente e em um deles o ciclista bateu forte com o capacete no chão.

Cuidado 2: os carros não lhe enxergam bem na chuva. Se tiver faróis, é melhor acender. . .

Veja também: 2011.10.16 – 50km + 50km sob chuva torrencial

Um abraço.

Anúncios
Categorias:Dicas
  1. mauricio
    novembro 3, 2010 às 2:03 pm

    simplesmente dezzzz essa materia paulo , esta de parabens.

  2. marquinhos
    novembro 9, 2010 às 7:58 am

    bom dia paulo, finalmente consegui dar uma olhada no seu site, sem palavras
    tomara que cresça o numero de visitantes, nota 10, nos ciclistas só temos que
    agradecer a voce

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: