Início > Histórias de Pedal > 2011.05.01 – Comprimento da nova ciclovia do Parque do Ibirapuera

2011.05.01 – Comprimento da nova ciclovia do Parque do Ibirapuera


Placa de início da nova ciclovia do Parque do Ibirapuera (Foto: Paulo Ciclista)

Placa dos 3000 m (Foto: Paulo Ciclista)

Atenção (14 de julho de 2011):Veja as medidas da ciclovia em:Comprimento da nova ciclovia do Parque do Ibirapuera-OK.

Artigo original antes do conserto das placas:

Esse fim de semana foi muito corrido em casa e a quilometragem total foi baixíssima, em torno de 60 km.

Fui medir a nova ciclovia do Parque do Ibirapuera. É que o leitor Marcio no comentário ao post 2011.03.20 – Fim de Semana (Nova ciclovia do Parque do Ibirapuera)

reparou que talvez a placa não indique a metragem correta. Apareci por lá com o ciclocomputador aferido e pneus calibrados, disposto a caprichar na medição. Fiz toda a volta com o maior cuidado e sem ultrapassar ninguém, e meu ciclocomputador marcou 2720 m e não 3000 m como indica a placa. O traçado dessa pista não mudou em relação ao anterior e um outro ciclista já havia me dito que ela mede 2800 m, acredito que foi o Getúlio. Eu já havia medido com duas bicicletas diferentes e essa pista sempre teve 2800 m para mim.

Segue a comparação entre as placas e meu ciclocomputador:

– Início na placa “Início”, em sentido anti-horário.

– Na placa de 500 m, o ciclocomputador marcou 470 m.  Seria erro de 30 m, 6 % em relação à placa.

– Na placa de 3000 m, o ciclocomputador marcou 2720 m. Seria erro de 280 m, 9,3 % em relação à placa.

Como meu ciclocomputador poderia estar errado com problema no sensor magnético por exemplo, fui à Ciclovia do Rio Pinheiros e medi os 14 km para tirar a prova e deu o seguinte:

– Na marcação de 14 km da ciclovia, o ciclocomputador marcou 14,13 km. Seria erro de 0,13 km, menos de 1 % em relação à marcação da pista.

Portanto posso concluir que o meu ciclocomputador está muito bem aferido e funcionando perfeitamente.

Se alguém mais for para lá, gostaria que medisse a pista também, isso confirmaria mais uma vez os números.

Vou falar com a administração do Parque do Ibirapuera especialmente porque muitos corredores usam essas marcações como referência e eles não têm ciclocomputadores. Depois conto como foi.

Aproveitando, confirmo novamente a incrível melhora com a nova ciclovia: A pista está perfeitamente lisa, antes estava toda esburacada. E a pintura nova fez uma ENORME diferença na segurança, a marcação clara faz com que os pedestres não invadam mais a pista como antigamente, isso ocorria o tempo todo.

Um abraço.

Anúncios
Categorias:Histórias de Pedal
  1. Marcelo V. Castelucci
    maio 2, 2011 às 9:46 am

    A dúvida é… quem ficou com esses 10% de $Pista?

  2. maio 3, 2011 às 7:55 am

    Contatei por telefone a Administração do Parque do Ibirapuera. Num atendimento simpático, encaminharam para a pessoa responsável. Um abraço.

  3. julho 12, 2011 às 1:08 pm

    A Administração do Parque já consertou o problema:
    https://dpedal.wordpress.com/2011/07/12/comprimento-da-nova-ciclovia-do-parque-do-ibirapuera/
    Administração, Muito Obrigado!!!

  1. novembro 1, 2011 às 11:50 am
  2. fevereiro 22, 2012 às 8:50 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: