Início > Histórias de Pedal > Paranapiacaba 140 km (2012)

Paranapiacaba 140 km (2012)


Paulo na Rodovia Índio Tibiriça

Paulo na Rodovia Índio Tibiriça


Seguem as fotos da nossa viagem anual a Paranapiacaba realizada no dia 2 de dezembro. Participaram: Adalberto (MTB Giant XTC), Fábio (MTB Stumpjumper), Marcelo Luiz (MTB Soul), Paulo (MTB GT Karakoram). Resolvemos trocar na última hora para MTB ao invés de Speed por causa da ameaça de chuva. Duas pessoas não conseguiram ir por motivo de gripe, quero lhes dizer que se safaram de um grande sofrimento por causa do calor infernal de 39 graus. Mas é lógico que o prazer de fazer um pedal assim, em uma estrada ótima e com companheiros idem, compensa tudo.
Fizemos 140 km em incríveis 9 horas! Incríveis no sentido de tempo péssimo, horrível! Afinal, é uma distância que um grupo bem treinado poderia ousar fazer em 5 horas. Mas em 5 horas nós estávamos apenas chegando lá. O motivo de tanta demora para ir e voltar estão em diversas causas: dois furos de pneu, algumas paradas para fotos, e especialmente na volta, três ou quatro paradas em bares para beber e comer. Normalmente quase não paramos, mas com o sol naquele nível, a preocupação não estava no tempo de viagem mas na hidratação e alimentação.
No ano passado fizemos esse mesmo percurso em cerca de 6:30h e chegamos inteiros. Tanto que o Fabio chegou a comentar (no ano passado) que foi tranquilo e eu mesmo já na cidade disse que nem parecia que a gente tinha ido tão longe. Neste ano, além do calor, o grupo estava em geral menos treinado, cada qual com seus motivos.
Na próxima, talvez devêssemos escolher uma época mais fria.
Mas valeu!
Um abraço.

Marcelo Luiz na Rodovia Índio Tibiriça

Marcelo Luiz na Rodovia Índio Tibiriça

Marcelo e Adalberto na Estrada Velha de Santos

Marcelo e Adalberto na Estrada Velha de Santos

Estação Ferroviária de Paranapiacaba

Estação Ferroviária de Paranapiacaba

Núvem passando sobre trens velhos

Núvem passando sobre trens velhos

Casa do Engenheiro Chefe no alto do morro

Casa do Engenheiro Chefe no alto do morro

Trem de carga

Trem de carga

Região próxima às lanchonetes

Região próxima às lanchonetes em Paranapiacaba

Pântano perto de Rio Grande da Serra

Pântano perto de Rio Grande da Serra

Estrada vazia perto de Paranapiacaba

Estrada vazia perto de Paranapiacaba

Pobre placa baleada...

Pobre placa baleada…

Algas na Represa Billings no Riacho Grande

Algas na Represa Billings no Riacho Grande

Riacho Grande

Restaurante Flutuante – Riacho Grande

Paulo na Sahida de Paranapiacaba

Paulo em Paranapiacaba

Categorias:Histórias de Pedal
  1. Kathrin
    agosto 18, 2013 às 11:28 am

    Que legal, esse passeio! Voce precisa me dar a descricao do caminho. Queria fazer o passeio tambem, mas com menos de 39 graus….🙂 Kathrin

    • agosto 18, 2013 às 7:21 pm

      É verdade, vamos escolher um dia mais fresco…Você é bem vinda, pois do jeito que pedala bem, consegue qualquer distância. Essa estrada é de asfalto muito bom. Às vezes vamos só até a estrada velha, que dá uns 80 km no total. Vamos manter contato e continuar pedalando. Um abraço.

      • Kathrin
        agosto 27, 2013 às 11:36 pm

        Sim, vamos manter contato! Quero voltar a fazer passeios mais longos!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: